Concorra ao apoio para projetos ambientais da Fundação Boticário

Compartilhe agora mesmo

Lobo-guará: a espécie símbolo do Cerrado está entre as espécies que já foram beneficiadas por iniciativas apoiadas pela Fundação. Foto: Emanuel de Jesus Caldeira
A cada seis meses, pesquisadores de todas as regiões do país podem se inscrever nos editais públicos da Fundação Grupo Boticário e conseguir apoio financeiro para tocar seus projetos ambientais. Até o dia 31 de agosto, estão abertas as inscrições para dois novos editais: um com foco na biodiversidade do Paraná e outro com foco nos biomas Cerrado e Caatinga.
Em 25 anos, milhares de profissionais já foram selecionados pela instituição, que já apoiou 1.486 iniciativas. Estas, por sua vez, beneficiaram 490 unidades de conservação e viabilizaram a descoberta de 141 novas espécies em todo o território nacional.
“A cada edição, escolhemos um ‘recorte’ específico para promover novas iniciativas e garantir a ampla distribuição dos apoios, atacando problemas específicos das regiões”, explica Emerson Oliveira, coordenador da área de Ciência e Informação da Fundação. De acordo com a Fundação, os projetos contribuirão para mudar a realidade desses ambientes naturais, das espécies que eles abrigam e das pessoas que moram em seus domínios.
Para se inscrever ou ler mais informações sobre os pré-requisitos, clique aqui​. Em caso de dúvidas, entrar em contato pelo e-mail [email protected]
Aprovados no último edital
Na convocação anterior, com abrangência nacional, 20 projetos ambientais receberam apoio da Fundação. Num aporte total de recursos no valor R$ 2,5 milhões, foram beneficiadas ações de conservação de espécies ,como o boto-rosa, o muriqui-do-sul e o papagaio-do-peito-roxo, e de ecossistemas, como o Lagamar (SP/PR), maior berçário de vida marinha do Atlântico-sul, e o o Arquipélago de Abrolhos (BA).
O apoio a ações de conservação da natureza é um estímulo ao desenvolvimento da pesquisa científica no Brasil e viabiliza ações práticas de conservação da natureza. Estes e outros projetos selecionados terão garantiram recursos por períodos que variam de 1 a 4 anos.

Compartilhe agora mesmo

Deixe uma resposta