Supermercados de SP começam a cobrar por 'sacolinhas ecológicas'

Compartilhe agora mesmo

Os supermercados de São Paulo já estão cobrando pelas novas sacolinhas plásticas recicláveis, mas muita gente só ficou sabendo quando chegou no caixa e não gostou.
Depois de muita polêmica, agora é lei: um decreto da prefeitura de São Paulo proíbe os supermercados de oferecerem aos clientes as antigas sacolas plásticas. No domingo (5), os consumidores já levaram as compras em sacolas verdes e cinzas – as chamadas ‘sacolinhas ecológicas’, e pagaram por isso.
Até o ano que vem a prefeitura de São Paulo espera aumentar de 3% para 10% a reciclagem do lixo coletado na cidade. Já os comerciantes ganharam dois meses para acabar com o estoque das antigas sacolas plásticas. Depois disso a multa varia de R$ 500 mil a R$ 2 milhões para os supermercados que não adotarem as ‘sacolinhas verdes’.

Compartilhe agora mesmo

Deixe uma resposta